Inspirações

5 dicas de ouro para o sono do recém-nascido5 minutos de leitura

15/05/2019 4 min read

author:

5 dicas de ouro para o sono do recém-nascido5 minutos de leitura

Reading Time: 4 minutes

Muita gente fala sobre o sono do recém-nascido, apresentar uma rotina ao bebê, inserir hábitos, se adaptar à nova fase. Mas afinal, há receita para isso? Não sabemos o manual, mas acreditamos que podemos aprender muito sobre os pequenos, juntas.

O bebê nasceu e aquela ansiedade já toma conta da casa inteira. São muitas as novidades e expectativas! Até mesmo para as mamães de “segunda viagem” toda adaptação do novo ser exige uma nova dedicação e uma dose generosa de cuidados.

Um dos principais desafios para a família é o sono do recém-nascido. Até porque a privação de sono é um grande desafio para os pais nos primeiros meses de vida do bebê. E aqui, palpites e dicas não faltam. Afinal, qual horário seguir, como adaptar a criança, ou melhor, como se adaptar?

Para desvendar alguns mistérios e até “traduzir” esse momento fundamental para os bebês, conversamos com a especialista, consultora de sono da Maternity Coach, Michele Melão e elencamos algumas dicas imperdíveis para quem vai enfrentar a fase ou está passando por ela.

Segundo ela, os bebês até 3 meses começam a aprender a diferença entre o dia e a noite. “No útero isso não existe. Uma boa dica é trabalhar com claridade e barulhos normais durante o dia, e diminuir o ritmo da casa e a luminosidade ao fim do dia. Aos poucos esse aprendizado ocorrerá e o bebê passará a dormir mais de noite do que de dia”.

Os bebês, geralmente são guiados pela luz do sol, então acordam cedo e precisam dormir cedo. “O ideal é sempre pensar em dez a 11 horas de sono noturno (para crianças acima de 4 meses, que nasceram a termo e tem seu peso e desenvolvimento adequados). Então o ideal é fazer a conta de trás para frente. Se seu filho dorme às 21h e acorda às 7h, e se você colocar para dormir às 22h ele continua acordando às 7h, o melhor é manter o horário das 21h para não cortar essa hora de sono dele”.

Atente para os sinais de cansaço

Mesmo em fase de descoberta, as crianças já costumam apresentar sinais de cansaço. Alguns deles: bocejar, se mostrar agitado, abrir os olhos completamente, esconder o rosto no peito da mãe e movimentar involuntariamente os braços e pernas. Além disso, esfregar os olhinhos e rosto, demonstrar menos interesse nos brinquedos e puxar as orelhas.

Rotina

Rotina também faz toda a diferença para o bebê que está se adaptando ao novo mundo, aliando horário de sono, cochilos e alimentação. “Dormir é uma habilidade que se aprende e, portanto, se, desde cedo, esse aprendizado for estimulado (colocando a criança ainda acordada para dormir), menos problemas de sono provavelmente essa família terá”.

Michele destaca que existem duas formas de construir a rotina: umas delas é guiada pelo relógio e a outra, pelo próprio bebê. “Pelo relógio a criança começa o dia sempre no mesmo horário, faz as sonecas em momentos regulares e tem hora para dormir. Na guiada pelo bebê, geralmente os pais precisam adequar a rotina observando o comportamento do filho. Não sugiro forçar a criança a seguir a rotina apenas dos pais, porque ela tem necessidades de sono que precisam ser respeitadas. Forçar uma criança, por exemplo, a ficar acordada por muitas horas pode resultar em choro e irritação no fim do dia, além do efeito vulcânico, que vai dificultar muito o relaxamento dessa criança para entrar no sono”.

Leia também:

Quarto trimestre da gravidez: o bebê chegou, e agora? Saiba o que é a fase e como passar por ela

E agora? Como me adaptar em casa?

Com um recém-nascido (0 a 3 meses), precisamos entender que esse bebê está se adaptando fora do útero da mãe e não é possível estabelecer uma rotina rígida. O bebê precisa dormir bastante, mas não tem um padrão. Pode fazer sonecas de 30 minutos e de 2 horas, sem demonstrar o motivo dessa mudança.

Então é o momento de entender seu filho e atender as necessidades dele. “Não é possível engessar os hábitos da casa porque o bebê também não terá um padrão definido. Depois de 4 meses, se você anotar os horários do bebê, vai perceber que ele já começa a espaçar as mamadas para um certo período, começa a dormir em horários mais definidos, e nessa hora já é possível estruturar uma rotina, onde os hábitos da casa poderão se adequar a esse padrão mais regular da criança”.

Papel e caneta na mão, vamos recapitular os principais pontos para colocar em prática?

Agora que você já sabe melhor como o sono do recém-nascido funciona, anote aí as 5 dicas de ouro para ajudá-lo a dormir bem:

  1. Trabalhe com claridade de dia e diminua o ritmo da casa à noite
  2. Observe os sinais de sono do seu filho
  3. Esteja atento ao relógio interno do bebê
  4. Estabeleça rotinas guiadas pelo ritmo do seu filho
  5. Observe o comportamento do seu pequeno

Quero saber mais, e agora?

A Michele tem tanto conhecimento que quer te auxiliar mais e melhor. Ela preparou um curso online para mamães. O principal objetivo? Não deixar ninguém desamparado nesse comecinho de vida das crianças.

O grande diferencial do curso é o acompanhamento. A mãe pode colocar todas as dúvidas que ela tiver na plataforma e a Michele e sua sócia, Daniela, respondem tudo. Então apesar de ser online, a mãe tem total apoio, o que faz toda diferença nesse momento.

Partiu garantir a sua vaga agora mesmo? É só clicar aqui.